Sesi realiza palestra para estudantes

Na manhã desta quinta-feira (4), mais de 120 estudantes da rede pública de ensino do município de Limoeiro, mais precisamente da Escola Municipal João Heráclio Duarte e da Escola Estadual Ginásio de Limoeiro – Arthur Correia de Oliveira, foram contemplados, na Biblioteca do Sesi – Limoeiro, por uma palestra sobre a utilização dos jogos eletrônicos na adolescência, ministrada pelas psicólogas Betânia Soares e Jussara Rodrigues. O evento foi destinado a jovens de 14 a 17 anos.

“Por se sentirem entediados, por não terem uma boa relação familiar ou por não terem uma vida social ativa, os jovens acabam recorrendo a jogos mais desafiadores, mais perigosos ou mais violentos para expressarem situações emocionais com as quais não sabem lidar. Nesta fase de desenvolvimento do seu psiquismo, as crianças e os adolescentes podem ter influências positivas ou negativas. O lado positivo viria na questão de superar desafios, já o lado negativo viria no sentido de jovens com tendências agressivas utilizarem esses jogos como válvula de escape para tais emoções”, explica Betânia Soares, pós-graduada em Psicologia Hospitalar.

A psicóloga aproveita o momento para explicar como os pais podem interferir neste contexto. “Por viverem tão ocupados e estarem tão preocupados em proporcionar o melhor para os filhos, os pais podem esquecer do carinho, da presença física e do amor. Existe a crença de que os jovens estão protegidos por viverem em casa em vez de conviverem com amigos na rua ou terem a vida social mais ativa. Contudo, a Internet tem um mundo de possibilidades que nem todas as pessoas conhecem. A curiosidade e a busca dos filhos por coisas novas podem levá-los ao submundo da Internet, onde não agimos. Passar muito tempo nesses jogos pode ajudar os jovens a desenvolver posturas agressivas, sedentarismo e dificuldades de relação. Então os pais precisam ficar atentos ao tempo no qual seus filhos passam no computador e a qual tipo de conteúdo eles pesquisam”, avalia.

O monitor técnico do Sesi Limoeiro, Ivan Carlos (Sassá), fez um balanço positivo do evento. “Trata-se de um tema muito pertinente para a nossa sociedade. Acontecimentos como o massacre de Suzano, no interior de São Paulo, chamam a nossa atenção e nos estimulam para a necessidade de ajudar os nossos jovens. Precisamos expandir os horizontes das crianças e adolescentes do nosso município e alertar os pais para estarem vigilantes quanto aos seus filhos. Como eles utilizam as redes sociais? O que eles fazem quando estão solitários no quarto? E por aí vai. Trouxemos profissionais qualificadas e experientes para firmarmos o compromisso, enquanto gestão pública, de cuidar dos nossos jovens e para evitarmos casos como o de Suzano. Estamos à disposição para continuar este trabalho de alerta para os estudantes e para as suas famílias”, comenta.

Secretaria Executiva de Imprensa e Comunicação da Prefeitura de Limoeiro

Fotos: Eduarda Santana

Compartilhe

Praça Comendador Pestana, 113 - Palácio Francisco Heráclio do Rego - Centro - CEP - 55700-000 - Limoeiro-PE | CONTATO: (081) 3628-9700

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support